As mãos…

3 05 2008

De todas as coisas que tive, as que mais me valeram, das que mais sinto falta, são as coisas que não se pode tocar.

 

São as coisas que não estão ao alcance das nossas mãos, são as coisas que não fazem parte do mundo da matéria.

 

 

[O Cheiro do Ralo]

 

[Sem  inspiração para criar, apenas assim: difundir o criado.]

Anúncios

Ações

Information

One response

7 05 2008
Jaque

O que não é palpável soa como se fosse irreal, surreal.
E esse encantamento é incomparável.
Né não? 😉

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s




%d blogueiros gostam disto: